Arquivo da tag: traqueostomia

Implicações da traqueostomia na comunicação e na deglutição: Revisão

Barros, Ana Paula Brandão; Portas, Juliana Godoy; Queija, Débora dos Santos

Rev. bras. cir. cabeça pescoço;38(3):202-207, jul.-set. 2009.

ABSTRACT:

Nas últimas duas décadas, pesquisadores e clínicos têm-se preocupado com o impacto da traqueostomia na respiração, comunicação e deglutição. A traqueostomia está associada ao aumento do risco da aspiração e a decanulação irá melhorar a qualidade das funções. Nos casos de fácil oclusão da traqueostomia, é necessário gradativamente aumentar o tempo de oclusão e observar o quadro clínico respiratório. A sequência irá variar de acordo com a doença de base e as condições respiratórias. O impacto da traqueostomia na fisiologia da deglutição pode ser mecânico e/ou funcional.

ACESSE O PERIÓDICO

Implicações da traqueostomia na comunicação e na deglutição

Barros, Ana Paula Brandão; Portas, Juliana Godoy; Queija, Débora dos Santos

Fonte: Rev. bras. cir. cabeça pescoço; 38(3): 202-207, jul.-set. 2009. ilus.
ARTIGO DE REVISÃO
Nas últimas duas décadas, pesquisadores e clínicos têm-se preocupado com o impacto da traqueostomia na respiração, comunicação e deglutição. A traqueostomia está associada ao aumento do risco da aspiração e a decanulação irá melhorar a qualidade das funções. Nos casos de fácil oclusão da traqueostomia, é necessário gradativamente aumentar o tempo de oclusão e observar o quadro clínico respiratório. A sequência irá variar de acordo com a doença de base e as condições respiratórias. O impacto da traqueostomia na fisiologia da deglutição pode ser mecânico e/ou funcional.

Implicações da traqueostomia na comunicação e na deglutição: revisão

Barros, Ana Paula Brandão; Portas, Juliana Godoy; Queija, Débora dos Santos.

Rev. bras. cir. cabeça pescoço;38(3):202-207, jul.-set. 2009. ilus.

ABSTRACT:

Nas últimas duas décadas, pesquisadores e clínicos têm-se preocupado com o impacto da traqueostomia na respiração, comunicação e deglutição. A traqueostomia está associada ao aumento do risco da aspiração e a decanulação irá melhorar a qualidade das funções. Nos casos de fácil oclusão da traqueostomia, é necessário gradativamente aumentar o tempo de oclusão e observar o quadro clínico respiratório. A sequência irá variar de acordo com a doença de base e as condições respiratórias. O impacto da traqueostomia na fisiologia da deglutição pode ser mecânico e/ou funcional.

ACESSE O PERIÓDICO